Descobrir como funciona um gerador de energia pode ajudar você a economizar dinheiro. Esse equipamento é indispensável para quem mora no campo, ou realiza alguns serviços da construção civil, por exemplo.

Procurar soluções para reduzir os altos custos com o consumo elétrico, está no planejamento de empresas e de cidadãos comuns. Muitas vezes só adotar eletrodomésticos com selo de eficiência energética, não é capaz de mexer no valor final da conta de luz.

Assim, adotar medidas como comprar um gerador de energia é o caminho que muitos preferem, atualmente. Sobretudo, quem tem uma propriedade rural, ou precisa alimentar ferramentas elétricas durante a execução de serviços.

Embora os geradores sejam escolha para esses públicos, nada impede que você tenha um em sua casa. Existem modelos compactos, que você pode ligar no jardim em dias de festa, ou levar para uma casa de praia.

Leia também: Vale a pena ter um gerador em casa?

O que é e como funciona um gerador de energia?

O gerador de energia é uma máquina capaz de gerar energia a partir de outra fonte energética. Basicamente, transforma energia mecânica em eletricidade.

Conforme dito, precisa de um sistema ou combustível para que seus componentes sejam acionados, e produza energia elétrica. Considerando as principais fontes, temos os seguintes grupos de geradores:

Esses modelos têm a mesma lógica de funcionamento. Entretanto, como você verá adiante, tem capacidade de geração diferentes.

Conheça mais sobre o que é um gerador de energia!

Quanto de energia produz um gerador?

Depende da fonte que é usada em seu acionamento. Ou seja, modelos a gasolina são distintos dos movidos a diesel e a energia solar.

Só para exemplificar, teríamos o seguinte (considerando geradores de uso frequente):

  • Um gerador a gasolina, com tensão monofásica e potência máxima de 9 kVA produz até 6 horas de energia elétrica;
  • Gerador de energia à gasolina portátil
    Gerador de energia à gasolina portátil

    Gerador de energia à diesel
    Gerador de energia à diesel
  • Um gerador a diesel, com tensão monofásica e potência máxima de 7 kVA produz energia por mais de 6 horas;
  • Já os geradores de energia solar têm a eficiência determinada pelas placas fotovoltaicas. É preciso verificar a capacidade do painel para converter os raios solares em eletricidade. Os com melhores desempenhos produzem até 50 kWh.

Assim, é preciso que você analise a demanda que precisa atender com o gerador, bem como quantos aparelhos vão precisar da fonte.

Cálculo para definir o gerador de energia

Os passos para calcular o gerador certo para você são os seguintes:

  1. Faça o levantamento da potência de todos os equipamentos que receberão energia do equipamento. Em seguida, multiplique o resultado pela constante 1,52. Você obterá a medida VA (volt-ampere);
  2. Para que não ocorra sobrecarga, você deve considerar uma margem de segurança no cálculo. Desse modo, multiplique o último produto por 1,3;
  3. Agora é preciso converter VA em kVA, para isso divida por 1.000;
  4. O resultado dessa operação indica a potência em kVA que o gerador deve ter.

No entanto, é fundamental contar com o apoio de um vendedor técnico. Isso permite que você tire todas as dúvidas, e faça a projeção ideal para o equipamento que vai adquirir.

Diferentes aplicações do gerador de energia

O uso de geradores é definido em 3 categorias:

  • Ocasional – para atividades de poucas horas, e que não exige muita produção de energia.
  • Frequente – para serviços profissionais; quando se passa muitas horas e se alimentam ferramentas elétricas, por exemplo;
  • Intensivo – aqui estão geradores robustos, utilizados na atividade industrial ou na geração de energia para edifícios.

A partir dessas definições se entende como é amplo o uso de geradores. Eles estão presentes em espaços como:

  • Estabelecimentos de ensino
  • Hospitais
  • Clubes Esportivos
  • Estádios de Futebol
  • Prédios comerciais
  • Indústrias em geral
  • Shoppings
  • Empresas de saneamento, entre outros

Além disso, como já mencionado, a utilização do gerador em residências também é comum. Muitas pessoas adotam o equipamento para complementar a rede de energia pública. Principalmente se trabalham em casa.

Casa com luzes acessas e gerador de energia

Um dos principais motivos de investir no gerador de energia é que ele mantém a tensão elétrica. Isso evita quedas bruscas na eletricidade, o que normalmente danifica os aparelhos elétricos.

Compare abaixo a potência e indicação da aplicação de alguns geradores.

Geradores de 1500 a 2500 kVA

Modelos de uso intensivo e podem ser aplicados em usinas, indústrias de base, etc.

Geradores de 1000 a 1500 kVA

Também se enquadra no grupo de uso intensivo, e são aproveitados por empresas da área industrial (automobilística, siderúrgica, entre outras).

Geradores de 750 a 1000 kVA

Faz parte dos geradores de utilização frequente. São sugeridos para escritórios comerciais, ou empreendimentos que necessitam de energia complementar ao longo do dia.

Geradores de 500 a 750 kVA

Modelos versáteis, que se caracterizam pela inclusão de recursos tecnológicos, facilitando o manuseio. Pode ser usado em pequenas indústrias e outros estabelecimentos de médio porte.

Geradores de 370 a 500 kVA

São de uso frequente e são indicados para salões de eventos, por exemplo.

Geradores de 270 a 370 kVA

Nesse grupo o destaque fica para os modelos que emitem menor ruído. Assim, sua aplicação é indicada para estabelecimentos como hospitais, ou varejos que precisam oferecer conforto aos seus clientes.

Gerador elétrico de 130 a 270 kVA

Modelo sugerido para empreendimentos de pequeno porte.

Geradores 60 a 130 kVA

Uma utilização comum é na construção civil, sobretudo para acionar ferramentas elétricas.

Geradores de 10 a 60 KVA

Modelo de uso ocasional, mas que atende muitas atividades do dia a dia, inclusive pequenas prestações de serviços.

Componentes dos geradores

Para compreender bem como funciona um gerador de energia, é preciso conhecer sua estrutura. Num modelo básico, os componentes existentes são: 

  • Motor: dispositivo que aciona o gerador; após a combustão (se for movido a gasolina ou diesel) produz energia mecânica.
  • Alternador: fornece a tensão alternada ideal para rede; transforma energia mecânica em eletricidade.
  • Tanque de combustível: presente nos modelos movidos a gasolina e a diesel. A capacidade varia, mas nos geradores de uso frequente armazenam até 15 litros.
  • Capacitor: faz o controle da tensão.
  • Sistema de lubrificação: envia o óleo lubrificante para o motor, permitindo que opere com a pressão adequada.
  • Bateria: além de ajudar no disparo do gerador, mantém a tensão flutuante ideal.
  • Painel de controle: reúne os botões de acionamento, travas de segurança e visor digital.

É importante conhecer isso, pois cada uma dessas peças tem vida útil definida. Você precisará ter atenção para fazer as manutenções periódicas, e substituições (de acordo com o manual do fabricante).

São esses os principais pontos que explicam como funciona um gerador de energia. Para conhecer todos os melhores modelos de gerador de energia disponíveis, visite o site da Mérito Comercial.

Autor

  • Pós-graduada em administração pela Universidade Unisa, atua no ramo de vendas de bombas hidráulicas há 27 anos, com experiência em diversos setores, de auxiliar administrativo a gerência. Com grande conhecimento em vendas técnicas e dimensionamento, participou de projetos em grandes obras do país. Há 11 anos está à frente da Mérito Comercial, a maior distribuidora de bombas hidráulicas do Brasil.

Share:

3 Comments

  • Tetsuo yamashita, 17/07/2018 @ 09:17 Reply

    Bom dia fiz uma simulação ontem,queria saber frete do motor com painel completo.motor Toyama tdg 8000 trifásico mais painel.entrega cep: 034 32 010

    • SAC Mérito Comercial, 09/08/2018 @ 15:22 Reply

      Sr Tetsuo, boa tarde!
      Esse produto que o senhor mencionou é sob encomenda, juntamente com o fabricante. Caso queira saber mais sobre valores e prazos de entrega, o senhor pode entrar em contato conosco através do telefone (11)30557600, ou pelo e-mail: merito@meritocomercial.com.br, ou se preferir, pode informar um e-mail para contato e te respondemos logo em seguida.

  • Flávio, 18/12/2019 @ 10:26 Reply

    Vocês podiam fazer um comparativo com os melhores geradores do mercado.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.